Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/4654
Título: Avaliação dos efeitos respiratórios e genotóxicos/citotóxicos da exposição a produtos resultantes das atividades de tipografia
Autor: Rocha, Joana Gonçalves
Orientador: Rodrigues, Armindo dos Santos
Garcia, Patrícia Ventura
Palavras-chave: Espirometria
Genotoxicidade
Hidrocarbonetos
Tipografia
Toxicologia
Genotoxicity
Occupational Exposure
Spirometry
Typographies
Data de Defesa: 27-Fev-2018
Citação: Rocha, Joana Gonçalves. "Avaliação dos efeitos respiratórios e genotóxicos/citotóxicos da exposição a produtos resultantes das atividades de tipografia". 2018. 37 p.. (Dissertação de Mestrado em Ciências Biomédicas). Ponta Delgada: Universidade dos Açores, 2017. [Consult. Dia Mês Ano]. Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10400.3/4654>.
Resumo: O presente estudo foi elaborado com o intuito de avaliar os efeitos respiratórios e genotóxicos da exposição ocupacional a produtos resultantes da atividade de tipografias e determinar o risco associado a esta exposição. Para tal, recorreu-se à espirometria para avaliar a função pulmonar e ao teste dos micronúcleos para determinar o risco de genotoxicidade. Participaram neste estudo 69 indivíduos, dos quais 25 estão ocupacionalmente expostos aos produtos das tipografias (grupo exposto) e 44 indivíduos não estão expostos ao ambiente estudado (grupo não exposto). Todos responderam a um questionário sobre o seu estilo de vida, realizaram o teste da espirometria, mediram a pressão arterial e recolheu-se as células do epitélio bucal. Analisou-se a frequência de células micronucleadas e outras anomalias nucleares (binucleação, cariólise, picnose e cariorréxis) e verificou-se que no grupo exposto a frequência de células micronucleadas foi maior (12.96 MN/2000 células) enquanto que no grupo não exposto foi menor (4MN/2000células). Relativamente às outras anomalias nucleares observou-se uma grande discrepância entre o grupo exposto e o não exposto (218.84 e 51.48 ONA/ 2000 células, respetivamente). Relativamente às variáveis de caracterização, obtidas através dos questionários, não se observaram diferenças significativas entre os dois grupos em estudo (p≤0.05). Para além disso, o mesmo aconteceu com os resultados do diagnóstico do teste de espirometria (normal, obstrução leve / moderada / severa), onde não se verificaram diferenças significativas entre o grupo exposto e o grupo não exposto. Os resultados deste estudo revelaram que o risco de ter células com MN é 3,2 vezes superior no grupo exposto ao ambiente em estudo do que no grupo não exposto (controlo), mostrando que neste ambiente os produtos resultantes das atividades de impressão são agentes genotóxicos.
ABSTRACT: The present research has been organized in order to evaluate the respiratory and genotoxic effects of occupational exposure to products resulting from the activity of printers in typographies, and to determine the risk associated to such exposure. to achieve these goals, spirometry was used to evaluate lung function while the micronucleus test was carried to determine the risk of genotoxicity. This study comprised 69 subjects, being 25 individuals occupationally exposed to the products of typographies (group exposed) and 44 individuals non-exposed to the environment studied (group not exposed). Each individual responded to a questionnaire about their lifestyle, performed the spirometry test and measured the blood pressure. Also, the frequency of micronucleated cells and of other nuclear anomalies (binucleated, karyolitic, pyknotic and karyorrhectic) in the oral epithelia of each subject was analyzed. We found that in the exposed group the frequency of micronucleated cells was high (12.96 MN/2000 cells), while in the group non-exposed was significantly lower (4MN/ 2000cells). Concerning the other nuclear anomalies, there was a large discrepancy between the exposed and non-exposed group (218.84 and 51.48 ONA/2000 cells, respectively). Regarding the variables of characterization, obtained by questionnaires, we did not observe significant differences between the two studied groups (p≤ 0.05). Similarly, the results of spirometry test (diagnosis of normal, mild, moderate or severe respiratory obstruction) did not reveal significant differences between the exposed and non-exposed group. Results showed that the risk of having cells with MN is 3.2 times higher in the group occupationally exposed than in non-exposed one (control group), revealing that the products of printing are genotoxic agents.
Descrição: Dissertação de Mestrado, Ciências Biomédicas, 27 de fevereiro de 2018, Universidade dos Açores.
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/4654
Designação: Mestrado em Ciências Biomédicas
Aparece nas colecções:DBIO - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DissertMestradoResumoIndIntrodJGR2018.pdfResumo, Índice, Introdução304,47 kBAdobe PDFVer/Abrir
DissertMestradoJoanaGoncalvesRocha2018.pdfDocumento Principal2,8 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.