Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/4927
Título: Avaliação do impacto de erupções explosivas no vulcão do Fogo na economia do turismo do concelho de Vila Franca do Campo (Ilha de São Miguel, Açores)
Autor: Medeiros, Joana Filipa Carvalho
Orientador: Carmo, Rita Lúcio
Queiroz, Maria Gabriela Pereira da Silva
Palavras-chave: Economia do Turismo
Piroclasto
Risco Vulcânico
Vulcanismo
Vulcão do Fogo (Açores)
Vila Franca do Campo (Açores)
Ilha de São Miguel (Açores)
Açores
Data de Defesa: 27-Set-2018
Citação: Medeiros, Joana Filipa Carvalho. "Avaliação do impacto de erupções explosivas no vulcão do Fogo na economia do turismo do concelho de Vila Franca do Campo (Ilha de São Miguel, Açores)". 2018. 160 p.. (Dissertação de Mestrado em Vulcanologia e Riscos Geológicos). Ponta Delgada: Universidade dos Açores, 2018. [Consult. Dia Mês Ano]. Disponível em www:<http://hdl.handle.net/10400.3/4927>.
Resumo: As regiões vulcânicas ativas, como as ilhas dos Açores, oferecem condições de excelência propícias ao desenvolvimento de atividades assentes na natureza, como é o caso do turismo, um dos principais eixos de crescimento económico desta região. No entanto, e embora as erupções vulcânicas não sejam, regra geral, dos perigos geológicos que ocorrem com maior frequência, um próximo evento vulcânico nos Açores poderá ter importantes consequências ao nível do turismo. Desta forma, torna-se fundamental avaliar a sua vulnerabilidade aos perigos vulcânicos com a finalidade de se tentar mitigar o risco associado. A história eruptiva de São Miguel, contabiliza pelo menos 33 erupções subplinianas e plinianas nos últimos 5000 anos, revelando-a como a mais ativa dos Açores, com a maior frequência eruptiva de eventos explosivos. O vulcão do Fogo, localizado na parte central de São Miguel, embora o vulcão que apresenta menor frequência eruptiva dos três vulcões centrais ativos na ilha, é o único que foi palco de uma erupção pliniana nos últimos 5000 anos. Os piroclastos de queda e os piroclastos de fluxo (PDCs) são os produtos vulcânicos mais comuns em erupções explosivas. Os produtos de queda são os que atingem maior dispersão, devido à sua capacidade de afetar grandes áreas, dependendo da magnitude da erupção e de fatores externos como a direção e intensidade do vento. Os PDCs são o perigo vulcânico responsável pelo maior número de vítimas mortais e com maior poder destrutivo devido à temperatura, pressão e carga de partículas no fluxo. Com o objetivo de avaliar a vulnerabilidade a estes perigos vulcânicos, o presente trabalho incide na elaboração de dois cenários eruptivos para o vulcão do Fogo: o mais provável, que corresponde a uma erupção subpliniana com índice de explosividade vulcânica (VEI) 4, semelhante à erupção histórica de 1563, e o pior cenário possível, uma erupção pliniana de VEI 5 com as mesmas características da erupção que ocorreu há aproximadamente 4500 anos, Fogo A. Para avaliar as áreas suscetíveis de serem afetadas por estes perigos, bem como o potencial impacto no setor do turismo, foram realizadas simulações vulcânicas utilizando a ferramenta VORIS 2.0.1, integrada num Sistema de Informação Geográfica. Para as simulações de piroclastos de queda, utilizou-se um modelo semi analítico de advecção-difusão, e para as simulações de PDCs, recorreu-se a um modelo de cone de energia. [...].
ABSTRACT: Active volcanic regions, such as the Azores islands, offer exceptional conditions that favor the development of nature-based activities, such as tourism, one of the main priorities of economic growth of this region. A future volcanic event in the Azores may have important consequences in the tourism. Therefore, it is fundamental to assess its vulnerability to volcanic hazards in order to try to mitigate the associated risk. The volcanic history of São Miguel counts at least 33 subplinian and plinian eruptions in the last 5000 years, revealing it as the most active island of the Azores, with the highest eruptive frequency of explosive eruptions. Fogo volcano, located in the central part of São Miguel, although the volcano with the lowest eruptive frequency of the three active central volcanoes of the island, was the only that produced a plinian eruption in the last 5000 years. Tephra fallout and pyroclastic density currents (PDCs), are the most common volcanic products related to explosive eruptions. Due to its dispersion, tephra fallout is one of the volcanic hazards that affect larger areas, depending on the magnitude of the eruption and on external factors such as wind direction and intensity. PDCs are the volcanic hazard responsible for the major number of fatalities and with the high destructive force due to temperature, pressure and particle content in the flow. In order to evaluate the vulnerability to these volcanic hazards, this work focuses on two eruptive scenarios on Fogo volcano: the most probable, which corresponds to a volcanic explosivity index (VEI) 4 subplinian eruption, similar to the 1563 historical eruption, and the worst case, a VEI 5 plinian eruption, with the same characteristics of Fogo A eruption that occurred approximately 4500 years ago. To evaluate the areas susceptible to be affected by these hazards, as well the potential impact on tourism sector, volcanic simulations were performed using the GIS-based VORIS 2.0.1 tool. Tephra fallout simulations relied on a semi-analytical advection-diffusion model, while PDCs simulations were carried out with an energy cone model. [...].
Descrição: Dissertação de Mestrado, Vulcanologia e Riscos Geológicos, 27 de setembro de 2018, Universidade dos Açores.
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/4927
Designação: Mestrado em Vulcanologia e Riscos Geológicos
Aparece nas colecções:DGEO - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DissertMestradoJoanaFilipaCarvalhoMedeiros2018.pdf22,73 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.