Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/980
Título: A sociedade de Judá perante as invasões neo-babilónicas do século VI a.C. : clivagens sociais e políticas.
Autor: Caramelo, Francisco José Gomes
Palavras-chave: História Antiga (séc. VI a.C.)
Invasões Neo-Babilónicas
Sociedade de Judá
Data: 1989
Editora: Universidade dos Açores
Citação: "ARQUIPÉLAGO. História". Vol. 11 (1989): 67-88.
Relatório da Série N.º: História;Vol. 11
Resumo: "O séc. VI a.C. significou para o reino de Judá o fim da sua independência política mas, na realidade, foi todo um projecto ambicioso de Estado, à medida das grandes potências tradicionais que se desvaneceu. O projecto davídico e salomónico, que beneficiara do estado de letargia que atravessaram Egipto e potências mesopotâmicas, revelava-se agora uma ilusão pois o Egipto voltava a ter pretensões nos territórios da Síria e Palestina e tanto a Assíria como a Babilónia regressavam à sua ideia quase arquetípica e sempre presente no imaginário político das suas dinastias de unir o Mar Inferior ao Superior. Primeiro Israel, no séc. VIII a.C., e depois Judá, no séc. VI a.C., acabaram por sucumbir aos grandes interesses estratégicos, económicos e comerciais na região. […]"
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/980
Aparece nas colecções:ARQ - Hist1s - Vol 11 (1989)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
FranciscoCaramelo_p67-88.pdf180,23 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.