Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/621
Título: Concepções de professores e psicólogos sobre o trabalho desenvolvido pelos últimos nos serviços de psicologia e orientação da ilha de São Miguel
Autor: Cabral, Ana Sofia Pereira Vieira Velho
Orientador: Rego, Isabel Estrela
Palavras-chave: Percepção de Professores
Percepção de Psicólogos
Psicologia da Educação
Serviços de Psicologia e Orientação (SPO)
Açores
Ilha de São Miguel
Data de Defesa: 21-Jun-2010
Resumo: Este estudo tem como principal objectivo contribuir para a compreensão do impacto que os Serviços de Psicologia e Orientação, criados há cerca de 10 anos, tiveram na dinâmica das Escolas de São Miguel, nomeadamente através do estudo e análise das percepções que se estabeleceram entre os professores e os psicólogos escolares acerca do trabalho destes últimos. Partimos do princípio que as funções que os professores desenvolvem nas escolas e a proximidade que mantêm com o seu psicólogo escolar influenciarão as suas percepções sobre a frequência de realização das tarefas do psicólogo, e até mesmo a satisfação com o seu desempenho. Além disso, as percepções dos psicólogos serão diferentes das dos professores, nomeadamente daqueles que desempenham funções no ensino regular. Para testar estas hipóteses, participaram neste estudo 367 professores, distribuídos por diferentes ciclos e níveis de ensino, e a desempenhar diferentes funções nas suas escolas; participaram, também, um conjunto de 22 psicólogos, provenientes de 17 das 18 escolas auscultadas nesta investigação. Quanto à metodologia utilizada neste estudo optou-se por uma abordagem quantitativa, recorrendo à utilização de dois questionários, passados a professores e aos psicólogos das escolas da Ilha de São Miguel. Os questionários foram construídos para o efeito, e previamente testados. Os dados resultantes da aplicação destes questionários foram sujeitos a uma análise estatística não paramétrica, e inseridos e tratados no programa SPSS versão 15.0. Os resultados deste estudo corroboram as hipóteses pré-estabelecidas, nomeadamente em relação à influência que têm as funções dos professores no conhecimento considerado acerca das tarefas do psicólogo. Quanto ao grau de satisfação expresso pelos docentes relativamente ao desempenho profissional do psicólogo escolar, este varia em função dos factores considerados, e é em média satisfatório. O grau de satisfação dos psicólogos com o seu trabalho também é expressamente positivo.
ABSTRACT: This study has the prime goal to contribute to the comprehension of the impact that the Psychological and Orientation Services, created 10 years ago, had in the “S. Miguel” school dynamic, namely through the analysis and study of the established perceptions among teachers and school psychologists about the work of school psychologists. The initial assumption is that, given the functions that the teachers develop in the schools and the closeness that they keep with their school psychologist, their perceptions about the frequency of the psychologist’s tasks and even the satisfaction with that performance will differ. Moreover, the psychologist’s perceptions of the same subject will not be similar of those expressed by teachers, namely those who teach regular classes. For this purpose, participants in this study were 367 teachers, from different education levels, and performing different functions in their own schools. A group of 22 psychologists, from 17 of the 18 schools also participated in this investigation. Participants were pretty heterogeneous regarding their age, service time and functions (on the teachers case), which was a needed condition to test our hypothesis. The method used was a quantitative one, with the application of 2 questionnaires, one for teachers and another one for the group of “S. Miguel’s” psychologists. The instruments were created for this purpose, and previously tested through a pilot test. Data obtained through the application of these questionnaires was subjected to a nonparametric statistical analysis and treated by the SPSS program, version 15.0. The results of this study confirm the pre established hypothesis, namely concerning the teacher’s situation of its performed role, what influences their knowledge about the psychologist’s work and tasks. Also, the satisfaction level expressed by teachers, regarding the school psychologist’s work, was satisfactory. The psychologists’ satisfaction with his work is also explicitly positive.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Psicologia da Educação
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/621
Aparece nas colecções:DEDU - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DissertMestradoAnaSofiaVelhoCabral2010.pdf701,04 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.