Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/550
Título: Na saga do pensar
Autor: Enes, José
Palavras-chave: Filosofia
Pensamento
Ser
Data: Jan-1979
Editora: Instituto Universitário dos Açores
Citação: "ARQUIPÉLAGO. Série Ciências Humanas". Nº. 1 (Jan. 1979): 43-77
Relatório da Série N.º: Ciências Humanas;Nº. 1
Resumo: “Saga é a forma de duas palavras de origem e significados diversos, mas cuja significação é convergente ao nosso propósito. A que deriva do alemão Sage, da raiz indo-germânica seku, com que estão aparentados o inquit e as insectiones do latim, e a qual significava notar, ver e mostrar, designa as narrativas heróicas dos povos nórdicos geralmente destinadas ao canto. Neste sentido, saga é o dizer efabulado que leva em si a força mítica da fala. A outra corresponde directamente ao latim saga, feminino de sagus – brucho, adivinho e feiticeiro. Dela derivam sagaz, sagacidade e pressago. […]”
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/550
Aparece nas colecções:ARQ - SCH - N 01 (1979)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
JoseEnes_p43-77.pdf336,06 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.