Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/530
Título: Sistema de classificação de doentes em enfermagem : contributos na gestão dos enfermeiros nos hospitais da rede do sistema nacional de saúde. O caso HUC
Autor: Macaia, Damas
Orientador: Cardoso, Carlos José Cabral
Palavras-chave: Economia da Saúde
Enfermagem
Enfermeiro
Gestão Pública
Serviços de Saúde
Data de Defesa: 17-Mar-2006
Resumo: Com a intenção de melhorar o planeamento do pessoal de enfermagem surgiu a necessidade de se criar um instrumento de gestão de RH, que permita adequar a gestão dos enfermeiros às necessidades dos doentes. Assim, começou a ser desenvolvido desde 1984, o Sistema de Classificação de Doentes baseado em níveis de dependência de cuidados de enfermagem (SCD/E), que tem sido implementado gradualmente nos hospitais da rede do SNS e nestes igualmente de forma gradual nos diferentes serviços de internamento, servindo de instrumento de apoio aos gestores, quer na tomada de decisão relativa à introdução de medidas correctivas e no planeamento da admissão de novos enfermeiros, quer na fundamentação para actualizar o quadro de pessoal, no contexto orçamental da instituição. O problema desta dissertação foi formulado sobre este objecto, com a finalidade de examinar os contributos do modelo adoptado na gestão do pessoal de enfermagem. Para o efeito, desenvolvemos um estudo de caso nos Hospitais da Universidade de Coimbra, sob o tema Sistema de Classificação de Doentes em Enfermagem: contributos na gestão dos Enfermeiros nos hospitais da rede do Sistema Nacional de Saúde. O caso HUC. Utilizámos, neste estudo, dados secundários obtidos através dos relatórios do Instituto de Gestão Informática e Financeira da Saúde (IGIF) referentes aos resultados da aplicação do SCD/E em 2004 e da informação fornecida pela Direcção da Enfermagem desta unidade hospitalar. Analisámos os dados através do modelo de regressão linear múltipla com o objectivo de averiguar relações entre a informação do SCD/E e o número de enfermeiros dotados nos serviços de internamento onde este modelo é aplicado, bem como as componentes mais significativas na explicação do referido número de enfermeiros na unidade hospitalar em estudo. Após a análise dos resultados chegámos a conclusão de que existe uma relação linear significativa entre a informação do SCD/E e o número de enfermeiros distribuídos nos serviços de internamento, sendo o modelo, na sua globalidade, estatisticamente significativo na explicação da variabilidade do número de enfermeiros disponíveis nas unidades de internamento para prestar os cuidados de enfermagem. Os parâmetros do modelo “horas de cuidados necessárias por dia de internamento (HCN/DI)” e “horas de cuidados prestados por dia de internamento (HCP/DI)” são os que mais contribuem na explicação deste fenómeno.
ABSTRACT: Aiming to improve the planning of the nursing staff there was the need of creating a management instrument of human resources, which enables to adjust the nursing management to the patients’ needs. In fact, the Patients Classification System has been developed since 1984, based on the dependency levels of nursing cares (PCS/N), which has gradually been implemented in the hospitals of the SNS, and within them, also gradually, in the different admittance Services, serving as a support instrument to the managers not only when deciding about the introduction of corrective measures and planning the admittance of new nurses but also to support the updating of the staff within the budget of the institution. The issue of this project work was based upon this purpose with the aim of examining the contribution of the adopted model in the nursing staff management. For the matter we developed a study of case in the Hospitals of Coimbra University, under the subject Patients Classification System in Nursing: contributions in the Nursing management in the Hospitals of the National Health System. The case HCU. In this project work we analysed secondary data from reports from the Health Finance and Computer Management Institute (FCMI) referring to the results of the PCS/N of 2004 and the information supplied by the nursing Administration of this hospital. We analysed the data according to the model of multiple linear regression with the purpose of examining connections between the information of PCS/N and the number of nurses distributed in the admittance Services where this model is used, as well as the most significant components in explaining the above mentioned number of nurses in the hospital in study. After analysing the results we came to the conclusion that there is a significant linear connection between the information of PCS/N and the number of nurses in the admittance Services, being the model in general statistically significant in explaining the variety of the number of nurses available in the admittance units to nurse. The parameters of the model “hours of needed care per day of admittance (HNC/DA)” and “hours of rendered care per day of admittance (HRC/DA)” are the most significant to explain this phenomenon.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Gestão Pública
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/530
Aparece nas colecções:DEG - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DissertMestradoDamasMacaia2006.pdf4,05 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.