Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/3148
Título: As práticas educativas em contexto Pré-Escolar e 1º ciclo do Ensino Básico: a consciência fonológica e a aprendizagem da leitura
Autor: Cordeiro, Vanessa Sofia da Roias
Orientador: Castanho, Maria da Graça Borges
Palavras-chave: Educação Pré-Escolar
Ensino Básico (1º Ciclo)
Fonologia
Leitura (Aprendizagem)
Prática Educativa
Data de Defesa: 3-Jul-2014
Citação: Cordeiro, Vanessa Sofia da Roias. "As práticas educativas em contexto Pré-Escolar e 1º ciclo do Ensino Básico: a consciência fonológica e a aprendizagem da leitura". 2014. xiii, 103, [8] p.. (Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico) - Ponta Delgada: Universidade dos Açores, 2014.
Resumo: O presente relatório reporta-se às práticas educativas, desenvolvidas no âmbito dos estágios profissionais, decorrentes das unidades curriculares de Prática Supervisionada I e II, integradas no Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico. Este documento tem, portanto, como finalidade relatar, analisar e refletir sobre o trabalho concretizado no âmbito dos estágios já referidos, compondo o eixo principal da sua elaboração a temática da consciência fonológica, condição essencial para a promoção das competências linguísticas junto das crianças. Freitas, Alves e Costa (2007) advogam que para aprender a ler é necessário saber que a língua é formada por unidades linguísticas mínimas – os sons da fala – e que os carateres do alfabeto representam, na escrita, essas unidades. É daí que surge o interesse de, neste estudo, analisarmos o modo como as tarefas de consciência fonológica implementadas aquando dos nossos estágios curriculares beneficiaram ou não o desempenho das crianças e alunos na leitura. Demonstra a literatura da especialidade que fazer corresponder um som da fala a um grafema é uma tarefa que exige um elevado grau de complexidade, principalmente para a maioria das crianças que, à entrada da escola, ainda não consegue identificar e isolar conscientemente os sons da fala. Esta competência cognitiva envolve, portanto, a presença de um intermediário – o professor – que auxilia as crianças a dominar a complexidade da tarefa. Considerando a relevância deste tema, propusemo-nos desenvolver um trabalho de natureza investigativa com os seguintes objetivos: Compreender as representações de educadores do Pré-Escolar e de professores do 1.º CEB relativamente ao domínio da leitura; Conhecer as conceções de educadores do Pré-Escolar e de professores do 1º CEB no que concerne à relação entre a leitura e a consciência fonológica; e Perceber de que forma o treino da consciência fonológica influencia a aprendizagem da leitura. Os participantes do nosso estudo foram um grupo do Pré-Escolar do Infantário de Ponta Delgada, um grupo de três alunas com NEE do 1º Ciclo da Escola Básica Integrada Padre Domingos da Silva Costa, localizada na freguesia de Livramento, e cinco educadoras (uma de apoio) e sete professores do 1º Ciclo desta escola. Permitiu-nos o aprofundamento desta temática concluir que os educadores do Pré-Escolar e os professores do 1.º Ciclo valorizam mais a decifração do código escrito em relação aos restantes objetivos e funções da leitura, atribuem como principais fatores ligados à aprendizagem da leitura a motivação e a maturidade e servem-se mais dos materiais de apoio como estratégia de colmatação de dificuldades neste domínio. Quanto à relação da consciência fonológica com a leitura tanto educadores como professores atentam ser fundamental o treino da consciência fonológica para a aquisição de competências ao nível da leitura. Dos níveis de consciência fonológica aqueles que parecem surtir um maior efeito para o fim que temos vindo a enunciar são os de consciência silábica e intrassilábica. Por outro lado, a consciência fonémica e a aprendizagem da leitura parecem ser aspetos entendidos como mutuamente dependentes.
ABSTRACT: The present report relates to the educational practices developed within the internships, arising from the course units Prática Supervisionada I and II, integrated in the masters of Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico. This document, therefore aims to describe, analyse and reflect on the work accomplished in the framework of the abovementioned internships, forming the main axis of its development the thematic of phonological awareness; an essential condition for the promotion of linguistic skills among children. Freitas, Alves and Costa (2007) argue that to learn how to read, is necessary to know that the language is formed by minimal linguistic units - the sounds of speech - and that the characters of the alphabet represent, in writing, those units. Hence, the interest that in this study, we analyze in which way the phonological awareness tasks implemented during our curricular internships benefited, or not, the performance of children and students in reading. The literature of this specialty demonstrates us that to match a speech sound to a grapheme is a task that requires a high degree of complexity, especially for most of the children that by the time they enter school still cannot consciously identify and isolate the sounds of speech . This cognitive competence, therefore involves the presence of an intermediary - the teacher - who helps the children to master the complexity of the task. Considering the importance of this subject matter, we proposed to develop a work of investigative nature with the following objectives: Understanding the representations of the Preschool educators and teachers of the 1st BEC (Basic Education Cycle) associated to the field of reading; Knowing the conceptions of Preschool educators and 1st BEC teachers regarding the relation between reading and phonological awareness, and to perceive how does the training of phonological awareness affect on the reading apprenticeship. The participants of our study were a group of Pre-School Nursery in Ponta Delgada; a group of three female students with SEN (Special Educational Needs) from the 1st Cycle of Padre Domingos da Silva Costa basic integrated school, located in the parish of Livramento, five female educators (one of support) and seven teachers from the 1st cycle of this school. The deepening of this thematic allowed us to conclude that the Preschool educators and teachers of the 1st Cycle value more the deciphering of the written code in relation to the remaining objectives and functions of reading, assigning the motivation and maturity as main factors related to the learning of reading, and serving themselves more of supporting materials as a strategy for solving the difficulties attached to this domain. Regarding the relationship of the phonological awareness with reading, both educators and teachers reason the training of phonological awareness to acquire skills in reading to be fundamental. From the levels of phonological awareness, those that seem to bear a greater effect for the purpose which we have been stating, are the syllabic and inter-syllabic consciousness. On the other hand, the phonemic awareness of reading and the apprenticeship of reading seem to be aspects to be understood as mutually dependent.
Descrição: Mestrado (PES II), Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico, 3 de Julho de 2014, Universidade dos Açores.
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/3148
Aparece nas colecções:DCE - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DissertMestradoVanessaSofiaRoiasCordeiro2014.pdf1,12 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.