Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/2955
Título: Inquietação insular e figuração satírica em José Martins Garcia
Autor: Machado, Manuel Urbano Bettencourt
Orientador: Goulart, Rosa Maria Batista
Palavras-chave: José Martins Garcia (1941-2002)
Literatura Açoriana
Literatura Portuguesa (séc. XX)
Data de Defesa: 24-Fev-2014
Citação: Bettencourt, Urbano. "Inquietação insular e figuração satírica em José Martins Garcia". 2014. 212 p.. (Tese de Doutoramento em Estudos Portugueses) - Ponta Delgada: Universidade dos Açores, 2013.
Resumo: "Inquietação insular e sátira constituem dois traços pertinentes da obra ficcional de José Martins Garcia. É, todavia, na narrativa que melhor podemos observar os modos como uma e outra se manifestam, os diferentes graus da sua presença; não apenas pela maior extensão da narrativa no conjunto dessa obra, mas principalmente porque, dadas as suas particulares potencialidades de representação, ela permite a construção aprofundada de figuras e dos percursos que lhes proporcionarão experiências de vida capazes de configurar uma determinada relação com o mundo; ao mesmo tempo, a capacidade de objetivação própria da ficção narrativa possibilita ao autor a construção de modelos do mundo perspetivados sob um ângulo de distanciação crítica que, no limite, conduz à atitude satírica. O presente trabalho pretende estudar a inquietação insular e a sátira na narrativa de Martins Garcia, considerando a sua particular expressão e a articulação de ambas com determinada representação do tempo e do espaço insulares, que têm uma presença de relevo na ficção do autor. A opção por estas duas linhas de análise representa ainda o seguimento de alguns posicionamentos de Martins Garcia, na sua qualidade de escritor, mas também enquanto ensaísta: o trabalho analítico e crítico por ele consagrado à literatura açoriana, sob a perspetiva da açorianidade literária, fornece propostas de leitura que podem igualmente ser aplicadas ao estudo da obra do autor – e, quanto a esta, foi ele próprio a reclamar para si o estatuto de autor satírico. […]." (da Introdução)
Descrição: Tese de Doutoramento, Estudos Portugueses, 24 de Fevereiro de 2014, Universidade dos Açores.
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/2955
Aparece nas colecções:DLLC - Teses de Doutoramento / Doctoral Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TeseDoutoramentoManuelUrbanoBettencourtMachado2014.pdf1 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.