Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/285
Título: Um açoriano tardio na história de Itajaí : Manoel António Fontes, sua contribuição ao progresso social e político da cidade
Autor: Ávila, Edison
Palavras-chave: História do Brasil (século XIX)
Imigração Açoriana
Data: 1999
Editora: Universidade dos Açores
Citação: "ARQUIPÉLAGO. História". ISSN 0871-7664. 2ª série, vol. 3 (1999): 265-273
Relatório da Série N.º: História. 2ª série;vol. 3
Resumo: A historiografia regional do Vale do Itajaí, no Estado de Santa Catarina, é pródiga em trabalhos sobre a contribuição de lideranças imigradas germânicas e italianas ao progresso económico, social e político das diversas comunidades da região. Não nos espanta que assim o seja, posto que a contribuição de ítalo-germânicos à colonização do Vale do Itajaí foi determinante do seu progresso e desenvolvimento. No entanto, há que se lamentar a existência de lacunas nesta historiografia no que diz respeito a imigrantes de outras etnias que também participaram decididamente na construção do progresso das comunidades do Vale do Itajaí. No caso de Itajaí, vamos nos ocupar neste estudo do açoriano Manoel António Fontes. Sua contribuição ao progresso social e político do Município de Itajaí foi notável e decisiva, como veremos. Não obstante, nossa historiografia quase o esqueceu. Somente o Prof. Henrique da Silva Fontes, seu filho e o Prof. Walter Fernando Piazza escreveram alguns informes biográficos sobre este açoriano “tardio”. [...]
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/285
ISSN: 0871-7664
Aparece nas colecções:ARQ - Hist2s - Vol 03 (1999)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Edison_d_Avila_p265-273.pdf26,59 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.