Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/2511
Título: Jogos matemáticos: um desafio para as crianças e para o educador/professor
Autor: Teixeira, Ricardo Emanuel Cunha
Cascalho, José Manuel
Nogueira, Raquel Pereira
Palavras-chave: Jogos
Pré-escolar
Ensino Básico (1º Ciclo)
Processos Matemáticos
Estratégias de Aprendizagem
Autonomia
Data: 21-Dez-2013
Editora: Associação Ludus/Associação para a Educação Matemática Elementar
Citação: Cascalho, José; Nogueira, Raquel; Teixeira, Ricardo (2013). "Jogos matemáticos: um desafio para as crianças e para o educador/professor", «Jornal das Primeiras Matemáticas», 1, 4-20.
Resumo: A forma como se ensina Matemática é determinante para o sucesso ou insucesso escolar de muitos jovens, o que reforça a importância de educadores e professores utilizarem diferentes estratégias para a promoção de aprendizagens significativas. Neste artigo pretendemos mostrar como o jogo pode incentivar o envolvimento das crianças nas atividades matemáticas e criar, com isso, uma predisposição natural para aprender. Apresentamos diferentes dimensões de aprendizagem da Matemática associadas a experiências vivenciadas numa sala de aula através da aplicação de jogos no âmbito do Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico, da Universidade dos Açores. Alguns desses jogos foram adaptados a partir de jogos já existentes, outros foram inventados de forma a ir ao encontro das características dos grupos de crianças dos dois estágios realizados, um no pré-escolar e o outro no 1º ciclo do ensino básico. Em resultado destas múltiplas dimensões, argumentamos que o jogo pode contribuir para repensar a forma como se organizam as aprendizagens na sala de aula, com claras vantagens para a promoção da autonomia, mostrando que certos objetivos podem ser alcançados com recurso aos jogos, objetivos esses para os quais os jogos não são usualmente considerados. No pré-escolar, os jogos foram implementados com crianças dos quatro aos seis anos. O estágio decorreu entre os meses de fevereiro e maio de 2012, numa sala em que o currículo era criado a partir das propostas da educadora e das ideias das crianças. Por sua vez, os jogos realizados no 1º ciclo do ensino básico, com crianças dos sete aos dez anos, decorreram entre os meses de setembro e dezembro de 2012, numa sala que seguia o modelo do Movimento da Escola Moderna (MEM).
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/2511
Aparece nas colecções:DME - Artigos em Revistas Nacionais / Articles in National Journals

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Cascalho_JogosMatematicos_4_20(1_2013)(1)-1.pdf1,29 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.