Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/2339
Título: Práticas educativas do futuro educador/professor e promoção da autoestima dos alunos
Autor: Botelho, Daniela Cristina Bettencourt
Orientador: Serpa, Margarida Damião
Caldeira, Suzana Nunes
Palavras-chave: Autoestima do Aluno
Educação Pré-Escolar
Ensino Básico (1º Ciclo)
Formação de Professores
Prática Educativa
Data de Defesa: 3-Jul-2013
Citação: Botelho, Daniela Cristina Bettencourt – "Práticas educativas do futuro educador/professor e promoção da autoestima dos alunos". Ponta Delgada : Universidade dos Açores. 2013. [9], 124 p.. Dissertação de Mestrado.
Resumo: O presente Relatório remete para a reflexão do estágio realizado durante a Prática Educativa Supervisionada I e Prática Educativa Supervisionada II. Atualmente, na prática profissional os professores são confrontados com diversos desafios e situações problemáticas, tornando-se assim essencial formar profissionais críticos, que adaptem a sua prática às crianças e às exigências e necessidades da atualidade. Com a construção deste Relatório tivemos a oportunidade de refletir sobre todo o processo de estágio, realizado com um grupo do Pré-escolar e uma turma do 4.º ano do 1.º Ciclo do Ensino Básico e, consequentemente, contribuir para uma prática futura mais rica e eficaz. Esta reflexão teve por base o cruzamento de dados das práticas, de inferências a partir das ações empreendidas e de fundamentos teóricos. Pensar na educação significa equacionar a ideia de quem queremos formar e são vários os teóricos que apontam para a relevância a dar ao desenvolvimento pessoal e social equilibrado (Sant'Anna & Menegolla, 1991; Ministério da Educação, 1997; Alonso et al., 2011; Vilela, 2010), ao cidadão consciente, autónomo, ativo e responsável, que saiba estimar-se e interagir com o outro e com o meio. Nesta tarefa, a autoestima “constitui um dos principais factores de desenvolvimento humano. Serve de fundamento à educação, que consiste essencialmente em acompanhar ou guiar as crianças […] ao longo da sua vida afectiva, social, intelectual e moral” (Duclos, 2006, p. 18). Ao longo deste Relatório são apresentadas reflexões sobre as práticas educativas supervisionadas na sua globalidade e sobre aspetos específicos relacionados com a temática da autoestima. Procurou-se realizar uma revisão bibliográfica específica da autoestima e assim delinear o papel do professor na sua promoção. Durante o estágio efetuaram-se atividades diversas com o intuito de se desenvolver a autoestima, sendo algumas destas, alvo de reflexão no presente documento. Ainda, dada a importância do professor na promoção da autoestima, são apresentadas as conceções de duas professoras e de duas estagiárias em relação a esta temática. Constatámos através da revisão bibliográfica, da reflexão das ações empreendidas e da análise das entrevistas realizadas, que o professor poderá promover a autoestima dos seus aluno, ao desenvolver uma série de competências por exemplo, ser capaz de detetar comportamentos característicos de uma baixa autoestima, realizar atividades promotoras da autoestima, evidenciar comportamentos positivos face aos alunos e evitar comportamentos inibidores do desenvolvimento da mesma. Compreendemos assim que, de uma forma geral, o professor tem um papel essencial para o desenvolvimento da autoestima. No entanto, deve existir uma conexão entre a escola, famílias e sociedade e a promoção da autoestima não deverá centrar-se, meramente, num trabalho intuitivo, dentro da sala de aula. Parece-nos necessário sensibilizar para a relevância de detetar casos de alunos com indícios de uma baixa autoestima e para a utilidade de realizar um trabalho individualizado com estes casos.
ABSTRACT: Currently, in the professional practice, teachers are confronted with various challenges and problematic situations; therefore, it’s essential to form reflexive professionals that adapt their practice not only to children, but also to the demands and necessities of present times. This report aims to reflect on all of the pedagogic practice made during Supervised Practice I and II. With its construction we had the opportunity to reflect about all of the internship, which was held with a Pre-school group and a 4th grade class from primary school. This reflection was based on the intersection of data retrieved from practices, inferences and theoretical fundaments. We have conscience that if we want to achieve a quality education, it’s necessary to form students in a complete way, so, it’s crucial to promote, in them, attitudes such as: sense of cooperation, reflexive thinking, desire of knowledge and responsibility. According to Vilela (2010), Sant'Anna & Menegolla (1991), Ministério da Educação (1997) and Alonso et al. (2011) it’s necessary to invest on education where is given relevance to a balanced social and personal development. It’s important that the individual as an aware, active, responsible and independent citizen, knows how to appreciate himself, interact with others and with the environment. For us to reach this goal it’s vital to develop children’s self-esteem. According to Duclos (2006) self-esteem is one of the major factors of human development. It’s a foundation to education and supports children along their affective, social, intellectual and moral lives. Along this report there are presented reflections about educational supervised practices in their globality and about specific aspects related to self-stem theme. We also tried to explore literature on this subject and thereafter outline the teacher’s role on the promotion of self-esteem. During this placement there were made activities aiming the development of self-esteem, some are object of reflection in this report. There are also presented some conceptions related to this theme of two teachers and two internship colleagues. We have found through the literature review, the reflection of the actions taken and the analysis of the interviews that teachers can promote self-esteem of their students through a range of skills, such as: being able to detect the characteristic behaviors of low self-esteem, performing activities promoting self-esteem, demonstrate positive behaviors towards students and avoiding behaviors that inhibit self-esteem development. In a general way, we noticed that the teacher has a crucial role in the development of self-esteem; however, the connection between school, society and family is indispensable. Also, the promotion of self-esteem does not focus merely on intuitive work inside the classroom; therefore it’s necessary to sensitize on the relevance of detecting cases of students with low self-esteem and to the utility of performing individualized programs in this cases.
Descrição: Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico (Relatório de Estágio).
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/2339
Aparece nas colecções:DEDU - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DissertMestradoDanielaCristinaBettencourtBotelho2013.pdfDocumento Principal1,46 MBAdobe PDFVer/Abrir
DissertMestrado-ANEXOS-DCBB2013.pdfAnexos6,51 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.