Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/2313
Título: O lado lúdico da aprendizagem da matemática : a importância das atividades lúdico-manipulativas no desenvolvimento das competências na Educação Pré-Escolar e no 1º Ciclo do Ensino Básico
Autor: Oliveira, Diana Tavares
Orientador: Cascalho, José Manuel
Teixeira, Ricardo Emanuel Cunha
Palavras-chave: Educação Pré-Escolar
Ensino Básico (1º Ciclo)
Ensino da Matemática
Jogos
Matemática
Materiais Manipuláveis Estruturados (MME)
Games
Manipulable Materials
Mathematics Education
Data de Defesa: 20-Jun-2013
Citação: Oliveira, Diana Tavares – "O lado lúdico da aprendizagem da matemática : a importância das atividades lúdico-manipulativas no desenvolvimento das competências na Educação Pré-Escolar e no 1º Ciclo do Ensino Básico". Ponta Delgada : Universidade dos Açores. 2013. XI, 172 f.. Dissertação de Mestrado.
Resumo: Neste relatório de estágio, apresenta-se o trabalho desenvolvido, em contexto de estágio, no Pré-Escolar e no 1º Ciclo do Ensino Básico. Pretendeu-se explorar as potencialidades das atividades lúdico-manipulativas, de forma a envolver ativamente as crianças na aprendizagem da Matemática, em articulação com as diferentes áreas e domínios. Na primeira parte, apresenta-se o enquadramento teórico onde são abordadas questões fundamentais sobre o papel que o educador/professor assume na sala de aula; sobre a importância do ensino da Matemática nos primeiros anos; e sobre a relevância da utilização de jogos e materiais manipuláveis nesse contexto. Na segunda parte, a par da descrição da metodologia empregue, apresenta-se uma reflexão sobre o trabalho desenvolvido. A descrição pormenorizada de todas as atividades encontra-se em anexo. Este tema enquadra-se nas preocupações que transparecem nos documentos orientadores fornecidos pelo Ministério da Educação e Ciência, que realçam a importância de, desde tenra idade, trabalhar temas matemáticos fundamentais para se formarem cidadãos matematicamente competentes. Contudo, os resultados das avaliações mostram recorrentemente, na população estudantil, insucesso e desmotivação quando se fala no ensino da Matemática. Para combater esta situação, o educador/professor deverá procurar estratégias que cativem e estimulem os jovens para a aprendizagem desta área do saber, que os envolvam ativamente nas aprendizagens que realizam e que lhes permitam desenvolver uma maior autonomia. Neste contexto, o trabalho efetuado permitiu perceber que a proposta de tarefas com componente lúdica, como a utilização de jogos e de materiais manipuláveis, que vieram ocupar algum do tempo que era utilizado na realização de fichas individuais de trabalho, estimularam e motivaram os alunos para a aprendizagem da Matemática, contribuindo para o desenvolvimento de competências cognitivas, afetivas e sociais. Por outro lado, argumentamos que as atividades lúdicas desenvolvidas, pelo seu caráter desafiador, se traduziram num estímulo à criatividade e à descoberta de novas formas de pensar sobre situações problemáticas e promoveram a participação ativa das crianças na aprendizagem realizada.
ABSTRACT: In this internship report, we present the work we developed, in an internship context, in Preschool Education and in the 1st cycle of Elementary Education. We aspired to explore the capability of playful-manipulative activities, so that children would take an active part in the process of learning Mathematics, in conjunction with the other domains and subjects. In the first part, we present the theoretical framework, in which we discuss fundamental questions about the role the educator/teacher adopts in the classroom; about the importance of learning Mathematics in the first years; and about the relevance of using games and manipulable materials, in this context. In the second part, we make a reflection about the work we have developed, in addition to the description of the adopted methodology. The detailed description of all the activities can be found in the addedum. This subject is one of the concerns that come across in the guidance documents, given by the Education and Science Ministry of Portugal. These documents highlight the importance of dealing with fundamental mathematic subjects since an early age, so that students become mathematically competent citizens. However, the test results constantly show lack of success and motivation in the student population when we talk about Mathematics Education. In order to fight this situation, the educator/teacher must look for strategies that will stimulate and attract young people to learn Mathematics. These strategies should influence them to take an active part in their own learning experience and should also give them the ability to be more autonomous. In this context, the work we carried out allowed us to understand that the tasks proposals with a playful component (the use of games and manipulable materials, which occupied some of the time used in the making of individual worksheets), stimulated and motivated the students to learn Mathematics, contributing thereby to the development of cognitive, emotional and social skills. On the other hand, we believe that, due to its challenging character, the playful activities stimulated creativity and also new ways of thinking about problematic situations. They also promoted the active participation of children in the learning process.
Descrição: Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico (Relatório de Estágio).
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/2313
Aparece nas colecções:DEDU - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DissertMestradoDianaTavaresOliveira2013.pdf4,57 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.