Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/2058
Título: Patterns of colonization and species distribution for Azorean arthropods: evolution, diversity, rarity and extinction
Autor: Borges, Paulo A. V.
Gaspar, Clara
Santos, Ana M. C.
Ribeiro, Sérvio P.
Cardoso, Pedro
Triantis, Kostas A.
Amorim, Isabel R.
Palavras-chave: Artrópodes
Laurissilva
Açores
Arthropods
Laurisilva Forest
Azores
Data: 2011
Editora: Sociedade de Estudos Açorianos Afonso Chaves
Citação: Borges, P.A.V., Gaspar, C.S., Santos, A.M.C, Ribeiro, S.P., Cardoso, P., Triantis, K. & Amorim, I.R. (2011). "Patterns of colonization and species distribution for Azorean arthropods: evolution, diversity, rarity and extinction". In Martins, A.M.F., & M.C. Carvalho (eds.), «Celebrating Darwin: Proceedings of the Symposium "Darwin's Mistake and what we are doing to correct it"», Ponta Delgada, 19-22 September, 2009. Açoreana, Supl. 7: 93-123.
Resumo: Com base em estudos ecológicos e biogeográficos realizados nos Açores (um arquipélago remoto composto por nove ilhas vulcânicas) durante muitos anos de uma forma continuada, apresentamos um conjunto de questões. O grupo alvo são os artrópodes e o principal habitat é a Laurissilva, a floresta nativa dos Açores. A diversificação das espécies de artrópodes dos Açores é afectada pela idade das ilhas, área das ilhas e seu isolamento. No entanto, os estudos que decorreram durante os últimos dez anos mostram que os vários tipos de grupos taxonómicos e ecológicos são afectados de forma diferente por estes factores, tendo como consequência padrões de distribuição espacial únicos. A distribuição espacial dos artrópodes em cada ilha é causada for "efeitos de massa", muitas espécies possuindo dinâmicas "fonte-sumidouro". As espécies verdadeiramente raras à escala regional são aquelas que são especialistas de um particular habitat, muitas delas sendo espécies endémicas ameaçadas. Embora várias espécies endémicas persistam com populações sumidouro em habitats criados pelo Homem (e.g. florestas exóticas), mais de metade das espécies especialistas da floresta nativa já estão extintas ou poderão extinguir-se no futuro. De facto, aquelas espécies que evoluíram e apenas são encontradas nas florestas nativas foram afectadas de forma dramática como resultado da destruição alargada das florestas nativas dos Açores. Defendemos que a única forma de evitar a extinção de uma fauna única das florestas nativas dos Açores será através de medidas de restauro desta floresta.
ABSTRACT: Here we address a list of questions based on long-term ecological and biogeographical studies performed in the Azores, a remote volcanic oceanic archipelago composed by nine islands. The target group are the arthropods, and the main habitat the Laurisilva, the Azorean native forest. Diversification of Azorean arthropod species is affected by island age, area and isolation. However, results obtained for over a decade show that distinct groups are differently affected by these factors, which has lead to the extreme diverse distribution patterns currently observed. Spatial distribution of arthropods in each island may be interpreted as caused by a typical "mass effect", with many species following a "source-sink" dynamics. Truly regionally rare species are those that are habitat specialists, many of them being threatened endemic species. Although various endemics persist as sink populations in human-made habitats (e.g., exotic forests), more than half of the original endemic forest arthropods may already have vanished or may eventually be driven to extinction in the future. Those species which have evolved in and are mainly found in native forests, have been dramatically affected by hitherto unrecognized levels of extinction debt, as a result of extensive destruction of native forest. We argue that immediate action to restore and expand native forest habitat is required to avoid a future of disastrous extinctions of a biologically unique fauna with an unique evolutionary history.
Descrição: Proceedings of the Symposium "Darwin's Mistake and what we are doing to correct it". Ponta Delgada, 19-22 September, 2009.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/2058
Aparece nas colecções:DCA - Artigos em Revistas Nacionais / Articles in National Journals

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Borges et al Supl.7 2011 93-123.pdf394,1 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.