Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/1954
Título: Envelhecimento e bem-estar psicológico em adultos em idade avançada residentes em lar : um estudo nas ilhas das Flores e Corvo
Autor: Pereira, Carmen da Silva
Orientador: Medeiros, Maria Teresa Pires de
Palavras-chave: Bem-Estar Psicológico
Envelhecimento Activo
Idoso
Pessoa Idosa
Satisfação com a Vida
Active Aging
Satisfaction With Life
Psychological Well-Being
Data de Defesa: 15-Fev-2013
Citação: Pereira, Carmen da Silva – "Envelhecimento e bem-estar psicológico em adultos em idade avançada residentes em lar : um estudo nas ilhas das Flores e Corvo". Ponta Delgada : Universidade dos Açores. 2013. 130, [39] p.. Dissertação de Mestrado.
Resumo: O estudo, assente numa amostra de adultos em idade avançada (N=36), com idades compreendidas entre os 66 e os 95 anos, tem como propósito conhecer o bem-estar e a satisfação com a vida das pessoas idosas institucionalizadas nos lares das Ilhas do Grupo Ocidental do Arquipélago dos Açores, respetivamente nas ilhas das Flores e Corvo. Com base nos estudos internacionais e nacionais sobre as variáveis em estudo, essencialmente correlacionais, partimos das seguintes questões de investigação: Será que o bem-estar psicológico (BEP) depende de variáveis sociodemográficas na amostra em estudo? Haverá uma relação entre o bem-estar psicológico (BEP), a satisfação com a saúde, a vivência religiosa (pessoa crente ou não), a satisfação com a situação económica, a satisfação com a vida social e a satisfação com a vida afetiva? Haverá alguma relação entre o bem-estar psicológico (BEP), o otimismo, a autoestima e a extroversão? Haverá uma relação entre o bem-estar psicológico (BEP) e o tempo de permanência da pessoa idosa na instituição (Lar)? Haverá uma relação entre bem-estar psicológico (BEP) e as atividades de tempos livres realizadas (número e tipo de atividade) nos lares? Delineámos os seguintes objetivos: (i) Caraterizar as pessoas idosas residentes nos lares das Ilhas do Grupo Ocidental do Arquipélago dos Açores ao nível da idade, sexo, concelho de residência anterior, estado civil, profissão, situação familiar, vínculos familiares ou outros, situação de dependência, ligação com o mundo exterior e tempo de permanência na instituição; (ii) Avaliar o bem-estar psicológico (BEP) de pessoas idosas residentes nos lares das Ilhas do Grupo Ocidental (RAA); (iii) Analisar as relações entre o bem-estar psicológico (BEP) e variáveis sociodemográficas, pessoais e contextuais; (iv) Compreender as relações entre o bem-estar e a satisfação com a vida; (v) Propor alguns indicadores para um plano de promoção do bem-estar psicológico às pessoas idosas residentes em Lar. Como a investigação é essencialmente de natureza quantitativa, o tratamento e a análise dos dados foram realizados através do Programa Statistical Package for the Social Science – SPSS (versão 15.0), recorrendo a uma análise estatística não paramétrica. Os resultados revelam a existência de relações estatisticamente significativas entre algumas dimensões do bem-estar psicológico e: satisfação com a vida, satisfação com a saúde, satisfação com a vida social, extroversão, otimismo, autoestima, estado civil, a idade, a entrada na instituição e as atividades de tempos livres realizadas. Finalmente tecem-se implicações para a intervenção psicológica.
ABSTRACT: Supported by a sample of seniors (N=36) aged between 66 and 95, the study has the purpose of knowing the well-being and degree of satisfaction with life of these citizens institutionalized in the islands of the Western Group of the Azores, Flores and Corvo. Based upon international and national studies, we started from the following research questions: Is psychological well-being dependent on socio-demographic issues on the sample? Are psychological well-being, health satisfaction, religious living (believers or not), economic satisfaction, social satisfaction and affective satisfaction somehow related? Is there any relation among psychological well-being, optimism, self-esteem and outgoingness? Is there a negative connection between psychological wellbeing and the amount of time spent at the institution? Is there any relation between psychological well-being and the spare time activities organized by the institutions (according to their type and frequency)? We set the following purposes: (i) Characterize elderly people institutionalized in the Western Group of the Azores as to age, gender, previous municipality, marital status, profession, family status, situations of dependency, connections with the outside world and time of permanence at the institutions; (ii) Assess the degree of psychological wellbeing of senior citizens institutionalized in the islands of the Western Group of the Azores; (iii) Analyze the relation among psychological well-being and socio-demographic, personal and contextual circumstances; (iv) Understand the relation between well-being and satisfaction with life; (v) Suggest some topics for a plan of promotion of psychological well-being of institutionalized elder citizens. As this investigation is mainly of quantitative nature, we dealt with and analyzed the data using the program Statistical Package for the Social Science – SPSS (version 15.0), through a statistic analysis outside the parameters. The results reveal the existence of statistically significant relationships between some dimensions of psychological well-being and: life satisfaction, satisfaction with health, social life satisfaction, extraversion, optimism, self-esteem, marital status, age, entry into the institution and leisure activities performed. Finally, implications for an effective psychological intervention are suggested.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Psicologia da Educação (Contextos Comunitários).
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/1954
Aparece nas colecções:DEDU - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DissertMestradoCarmenSilvaPereira2013.pdf1,75 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.