Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/1911
Título: Using ATLANTIS - Tierra 2.0 and GIS environmental information to predict the spatial distribution and habitat suitability of endemic species
Outros títulos: A utilização do ATLANTIS – Tierra 2.0 e de ferramentas SIG para predizer a distribuição espacial e a adequação do habitat de espécies endémicas
Autor: Hortal, Joaquín
Borges, Paulo A. V.
Dinis, Francisco
Jiménez-Valverde, Alberto
Chefaoui, Rosa M.
Lobo, Jorge M.
Jarroca, Sandra
Azevedo, Eduardo B.
Rodrigues, Conceição
Madruga, João
Pinheiro, Jorge
Gabriel, Rosalina
Cota Rodrigues, Francisco Cota
Pereira, Ana R.
Palavras-chave: ATLANTIS Database
Alestrus dolosus (Crotch, 1867)
Cedrorum azoricus azoricus Borges & Serrano
Trechus terceiranus Machado
Trechus terrabravensis Borges, Serrano & Amorim
Escaravelho
Beetle
Açores
Azores
Data: 2005
Editora: Direcção Regional de Ambiente / Universidade dos Açores
Citação: Hortal, J., Borges, P.A.V., Dinis, F., Jiménez-Valverde, A., Chefaoui, R.M., Lobo, J.M., Jarroca, S., Brito de Azevedo, E., Rodrigues, C., Madruga, J., Pinheiro, J., Gabriel, R., Cota Rodrigues, F. & Pereira, A.R. (2005). "Using ATLANTIS - Tierra 2.0 and GIS environmental information to predict the spatial distribution and habitat suitability of endemic species". In P.A.V. Borges, R. Cunha, R. Gabriel, A.M.F. Martins, L. Silva, & V. Vieira (Eds), «A list of the terrestrial fauna (Mollusca and Arthropoda) and flora (Bryophyta, Pteridophyta and Spermatophyta) from the Azores». Horta, Angra do Heroísmo and Ponta Delgada: Direcção Regional de Ambiente and Universidade dos Açores: pp. 69-113.
Resumo: O conhecimento da distribuição de espécies raras requer muito esforço devido às dificuldades inerentes à detecção das suas populações. Neste capítulo, apresenta-se um exemplo de modelação da distribuição potencial de espécies endémicas de insectos, que constituem uma preocupação de conservação nos Açores. São analisados dados extraídos da base de dados ATLANTIS com o objectivo de desenvolver mapas preditivos da distribuição de quatro escaravelhos endémicos (Insecta, Coleoptera) na ilha Terceira: Cedrorum azoricus azoricus Borges & Serrano, 1993; Trechus terceiranus Machado, 1988; Trechus terrabravensis Borges, Serrano & Amorim, 2004; e Alestrus dolosus (Crotch, 1867). São usadas duas técnicas amplamente aplicadas nestas situações (BIOCLIM e BioMapper) de forma a desenvolver os mapas de distribuição, mas igualmente a obter a descrição do nicho ecológico de cada espécie. Todas as espécies, excepto T. terceiranus, apresentam grandes restrições de habitat. As outras três espécies parecem estar ambientalmente restringidas a duas áreas espaciais bem definidas, localizadas nas partes oeste (Serra de Santa Bárbara) e central (Terra Brava) da ilha Terceira. Contudo, enquanto A. dolosus estará potencialmente espalhado em ambas as áreas, de acordo com os seus requisitos de habitat, C. azoricus azoricus e T. terrabravensis parecem possuir adaptações ambientais muito mais restritivas. No entanto, como os dados sobre a distribuição conhecida destas espécies se revelaram escassos, a eficácia dos mapas de predição não é propriamente a ideal. Deste modo, é discutida de forma exaustiva a utilidade das técnicas utilizadas, num contexto de gestão da conservação. São igualmente discutidos os problemas surgidos durante o processo de modelação dos dados e como estes podem ser resolvidos. Finalmente são apresentadas sugestões para melhorar a informação a obter da base de dados ATLANTIS.
ABSTRACT: Ranges of rare species require great efforts to be mapped due to the low detect ability of their populations. In this chapter, we provide an example focusing on several endemic insect species of conservation concern in the Azores. We explore the use of data extracted from ATLANTIS database to develop predictive maps of the distribution of four endemic beetle species (Insecta, Coleoptera) in Terceira Island: Cedrorum azoricus azoricus Borges & Serrano, 1993; Trechus terceiranus Machado, 1988; Trechus terrabravensis Borges, Serrano & Amorim, 2004; and Alestrus dolosus (Crotch, 1867). We use two widely used methodologies (BIOCLIM and BioMapper) to develop such maps, as well as to provide a description of the niche of these species. All species except for T. terceiranus presented highly restricted habitat requirements. The other three species seem to be environmentally restricted to two spatially well-defined areas, placed in the west (Serra de Santa Bárbara) and the centre of the island (Terra Brava). However, while A. dolosus seems to be potentially widespread in these two areas according to its habitat requirements, C. azoricus azoricus and T. terrabravensis appear to have very restricted environmental adaptations. As data (recorded presences) for these species is scarce, the performance of the predictions was not ideal. Therefore, we discuss extensively the utility of such methodologies in the context of conservation management. We also discuss how the problems arose during this work can be overcome, and how ATLANTIS information could be improved.
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/1911
ISBN: 972-8612-22-2
Aparece nas colecções:DCA - Parte ou Capítulo de um Livro / Part of Book or Chapter of Book

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
5_Capitulo 3_Hortal et al.pdf8,15 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.