Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/1567
Título: Definição de uma metodologia para modelagem de agentes inteligentes difusos a partir da técnica de mapas mentais : um estudo de caso baseado na percepção e comportamento de usuários da praia Brava, SC – Brasil
Autor: Guerreiro, Orlando
Matarezi, José
Sperb, Rafael M.
Barreiros, João P.
Palavras-chave: Percepção Ambiental
Comportamento Espacial
Mapas Mentais
Modelos Baseados em Agentes Difusos
Zonas Costeiras
Environmental Perception
Spatial Behavior
Sketch Maps
Fuzzy Intelligent Agent Based Models
Coastal Zones
Data: Mai-2005
Editora: OLAM
Citação: Guerreiro, O., Matarezi, J., Sperb, R.M. & Barreiros, J.P. (2005). "Definição de uma metodologia para modelagem de agentes inteligentes difusos a partir da técnica de mapas mentais : um estudo de caso baseado na percepção e comportamento de usuários da praia Brava, SC – Brasil". «OLAM – Ciência & Tecnologia», 5(1): 73-87. ISSN 1519-8693.
Resumo: A partir da premissa de que os conhecimentos da percepção e do comportamento humanos são importantes para o entendimento de seus valores, e que estes podem influenciar no uso e ocupação do espaço, este artigo considera crucial ao processo de gestão ambiental a compreensão destes elementos. A pesquisa apresentada é de caráter exploratório, qualitativo e associa a investigação em cognição ambiental com inteligência artificial através do empreendimento da técnica de mapa mental para caracterização do perfil de grupos de usuários da praia Brava, Itajaí – SC, Brasil, a partir da percepção e comportamento de cada indivíduo frente a atributos espaciais do meio. Os perfis obtidos por este tipo de metodologia são testados num modelo de simulação baseada em agentes inteligentes difusos, uma técnica de inteligência artificial bastante recente. O uso da ferramenta de simulação para a gestão ambiental em áreas costeiras, em particular em praias, é uma importante forma de entender o impacto humano através da previsão de situações e medidas que visam o gerenciamento mais adequado do lugar.
ABSTRACT: Understand people’s values and spatial behavior is important toward a successful environmental planning and management. This paper merge environmental perception and spatial behavior with simulation through the employment of a new simulation paradigm called intelligent fuzzy agent-based model. In this research, sketch maps and questionnaires were apply to study coastal zones user group’s perceptions and spatial behavior in order to provide information for modelling reasons. It was selected as study case the Praia Brava, Itajaí – SC, Brazil due to its diverse environment. As conclusion was proven that the methodology is an excellent method to categorize user’s perception and spatial behavior for computational codification.
Descrição: Copyright © 2005 OLAM
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/1567
ISSN: 1519-8693 (Print)
1982-7784 (Online)
Aparece nas colecções:DCA - Artigos em Revistas Internacionais / Articles in International Journals

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
OLAM2005-5(1).pdf367,64 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.