Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/1493
Título: Transformation of somatic embryos of Vitis sp. (grapevine) with different constructs containing nucleotide sequences from nepovirus coat protein genes
Outros títulos: Transformação de embriões somáticos de Vitis sp. (videira) com diferentes produtos, contendo sequências nucleotídicas de genes de proteína da cápsula de nepovirus
Autor: Gölles, R.
Machado, Artur da Câmara
Tsolova, V.
Bouquet, A.
Moser, R.
Lopes, Marco
Mendonça, D.
Katinger, H.
Machado, Margit L. da Câmara
Palavras-chave: Agrobacterium tumefaciens
Vitis vinifera
Videira
Grapevines
Engenharia Genética
Genetic Improvement
Data: 1996
Editora: Universidade dos Açores
Citação: "ARQUIPÉLAGO. Ciências Biológicas e Marinhas = Life and Marine Sciences". ISSN 0873-4704. Nº 14A (1996): 67-74.
Resumo: O melhoramento de videiras, uma das plantas mais cultivadas no mundo, tal como muitas outras plantas lenhosas, é dificultado devido à sua elevada heterozigocidade genética e longo ciclo vegetativo. Assim a engenharia genética torna-se um instrumento importante num programa de melhoramento de videiras. Os nepovirus são os vírus da videira com maior importância económica devido à sua distribuição pelo mundo inteiro e aos graves danos que provocam. Um sistema de transformação genética através de Agrobacterium baseado na embriogénese somática repetitiva, foi utilizado para regenerar vinhas transgénicas. Culturas embriogénicas de Vitis vinifera (Russalka - auto-polinizada) e Richter 110 (Vitis rupestris x Vitis berlandieri) foram transformadas com Agrobacterium tumefaciens estirpe LBA 4404, contendo vários plasmídeos binários. pBinGUSint, transportando diferentes marcadores genéticos, ß-glucuronidase (GUS), e sete construções diferentes contendo quimeras do gene da proteína da cápsula do vírus do urticado da videira (GFLV) e do vírus mosaico-arábico (ArMV), incluindo formas não transcríveis e incompletas, respectivamente. Os embriões transformados foram selecionados através da sua contínua proliferação em meios contendo kanamicina. A expressão do gene marcador foi demonstrada através de análises histoquímicas do produto do gene GUS.
ABSTRACT: Breeding of grapevines, one of the world's most widely-grown fruit crop, as in the case with many woody crops, is hampered by genetic heterozygozity and long generation time. Transformation offers new alternatives in the genetic improvement of grapevine. Nepoviruses are the grapevine viruses of greatest economic importance because of their worldwide occurrence and the severe damages they cause. An Agrobacterium-mediated gene transfer system relying on repetitive embryogenesis has been used to regenerate transgenic grapevines. Embryogenic cultures of Vitis vinifera (Russalka - selfpollinated) and 1 10 Richter (Vitis rupestris x Vitis berlandieri) were transformed with Agrobacterium tumefaciens strain LBA 4404 containing various binary plasmids, pBinCUSint, carrying the marker gene P-glucuronidase (GUS), and seven different constructs containing chimeric coat protein (CP) genes of grapevine fanleaf virus (CFLV), including nontranslatable and truncated forms of the CP gene, and arabis mosaic virus (ArMV), respectively. Putative transformed embryos were selected by continued proliferation on kanamycin containing medium. Embryos transformed with the plasmid pBinCUSint were shown to express the GUS gene by histochemical analyses.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/1493
ISSN: 0873-4704
Aparece nas colecções:ARQ - LMS - Número 14A

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
pp_67_74_GollesR_et_al_14A.pdf1,23 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.