Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/1490
Título: Wrasses (Teleostei: Labridae) of the Azores
Outros títulos: Bodiões (Teleostei: Labridae) dos Açores
Autor: Porteiro, Filipe M.
Barreiros, João P.
Santos, Ricardo S.
Palavras-chave: Coris julis
Thalassoma pavo
Bodião
Wrasse
Açores
Azores
Data: 1996
Editora: Universidade dos Açores
Citação: "ARQUIPÉLAGO. Ciências Biológicas e Marinhas = Life and Marine Sciences". ISSN 0873-4704. Nº 14A (1996): 23-40.
Resumo: Nos Açores a família Labridae está representada por nove espécies. Alguns destes bodiões (i.e. Coris julis e Thalassoma pavo) estão entre as espécies mais abundantes do litoral rochoso. Uma chave dicotómica baseada em caracteres simples é apresentada. Oito espécies podem ser observadas em mergulho subaquático. Devido a apresentarem uma grande variabilidade de padrões de coloração, algumas espécies, quando na natureza, são de difícil reconhecimento. Por isso, apresentam-se fotografias coloridas de algumas das espécies litorais. Otólitos e maxilas de todas as espécies estão ilustrados e ajudarão na identificação dos bodiões nos conteúdos estomacais. Não foram detectadas diferenças significativas entre a biometria e merística dos espécimens por nós observados e a informação bibliográfica disponível para outras regiões. A fauna de labrídeos dos Açores afecta-se principalmente com a da Madeira e Canárias. Uma segunda associação com a Mauritânia e Golfo da Guiné foi obtida. Marrocos, Mediterrâneo e Portugal continental formam um grupo compacto, que por sua vez se associa ao Golfo da Biscaia e Ilhas Britânicas. Uma espécie é anti-atlântica.
ABSTRACT: In the Azores the family Labridae is represented by nine species. Some of these wrasses (i.e. Coris julis and Thalassoma pavo) are among the most abundant rocky shore fish. An identification key, based on single characters, is proposed. Eight species can be observed by scuba diving. The variation in body colour pattern can make their underwater identification difficult. For that reason we present colour photographs of littoral species. Otoliths and jaws are also illustrated. These drawings may assist the identification of stomach contents. Biometric and meristic data did not differ significantly when compared with data from other regions. The Azorean labrid fauna is similar to those of Madeira and the Canary islands. These three archipelagos are secondary assembled with a cluster formed by Mauritania and Gulf of Guinea. Morocco, Mediterranean and Portugal mainland form a compact bunch associated with Gulf of Biscay and British Isles. One species is amphiatlantic.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/1490
ISSN: 0873-4704
Aparece nas colecções:ARQ - LMS - Número 14A
DCA - Artigos em Revistas Nacionais / Articles in National Journals

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
pp_23_40_PorteiroFM-JPBarreiros_14A.pdf3,12 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.