Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/1306
Título: Biology of Aphaereta sp. n (Hymenoptera: Braconidae: Alysiinae), a new larval parasitoid of Ceratitis capitata Wied. (Diptera: Tephritidae)
Autor: Teixeira, Tânia Isabel Peres
Orientador: Oliveira, Luísa
Palavras-chave: Biotecnologia
Dípteros (Ceratitis capitata Wied.)
Entomologia (Controlo Biológico)
Himenópteros braconídeos (Aphaereta sp.)
Data de Defesa: 15-Dez-2011
Resumo: As espécies que pertencem ao género Aphaereta estão distribuídas praticamente por todo o mundo, e vivem associadas a dípteros sinantrópicos e outros dípteros. Foi encontrado um total de 12 indivíduos, da população em estudo, em duas pupas de Ceratitis capitata (Wiedemann) (Diptera: Tephritidae), estes indivíduos são endo-parasitóides gregários larva-pupa. Foram estimados pela primeira vez os parâmetros biológicos de Aphaereta sp., em relação ao tamanho do hospedeiro e temperatura. Foram testados três estados larvares, o primeiro (pequeno), o segundo (médio) e o terceiro (grande) estado, e cinco temperaturas (12, 15, 20, 25 e 30ºC). O tamanho do hospedeiro afecta significativamente o tempo de desenvolvimento, o número de indivíduos por pupa, a taxa de parasitismo, o sexo rácio, a fecundidade e a longevidade das fêmeas de Aphaereta sp. O segundo estado larvar de C. capitata, de todos os estados larvares testados, é o que promove uma maior taxa intrínseca de desenvolvimento (rm). Observou-se que o parasitóide e o seu hospedeiro possuem diferentes constantes térmicas e limites de desenvolvimento. Verificou-se também que a taxa de desenvolvimento de Aphaereta sp., aumenta linearmente com a temperatura e esta efeito significativo sobre os parâmetros reprodutivos (R0, rm, λ, DT e o T) deste parasitóide.
ABSTRACT: The species of the genus Aphaereta occurs almost everywhere around the world and lives associated to sinatropic dipterous and other Diptera. Our population was collected from two pupae of Ceratitis capitata (Wiedemann) (Diptera: Tephritidae), in a total of 12 adults, and is a gregarious larval-pupal endoparasitoid. Biological and life table parameters of the Aphaereta sp. were evaluated for the first time, in relation to the size of host and temperature. Three host larval state, first (small), second (medium) and third state (large) and five temperature levels (12, 15, 20, 25 and 30ºC) were studied. The development time, progeny per pupa, number of offspring per female parasitism, female longevity and sex ratio of the Aphaereta sp. are affected by host larval sizes. From all larval instars of the C. capitata tested, the second state promotes a higher intrinsic rate of increase (rm). The lower developmental threshold and thermal constant of the host and the parasitoids differ. The rate of development of the parasitoids increased with a linear trend as the temperature increased from 15ºC to 30ºC. Temperature had a significant effect on the net reproductive rate, intrinsic rate of increase, finite capacity for increase and doubling time.
Descrição: Dissertação de Mestrado - Biotecnologia em Controlo Biológico.
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/1306
Aparece nas colecções:DBIO - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DissertMestradoTaniaIsabelPeresTeixeira2011.pdf328,04 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.