Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.3/1305
Título: A experiência de estágio no pré-escolar e 1º ciclo : das práticas educativas às competências reflexivas e investigativas : a problemática da educação afectivo-sexual
Autor: Soares, Nelson Jorge Cardoso
Orientador: Castanho, Maria da Graça Borges
Gomes, Carlos
Palavras-chave: Criança
Desenvolvimento Socio-Afectivo
Educação Pré-Escolar
Ensino Básico (1º ciclo)
Prática Pedagógica
Supervisão
Data de Defesa: 12-Jul-2011
Resumo: O presente relatório é fruto do nosso estágio pedagógico, integrado no âmbito das disciplinas de Prática Supervisionada I e II, do Mestrado em Educação do Pré Escolar e Ensino do 1ºciclo do Ensino Básico. Considerando que a nossa prática educativa obedeceu a uma estrutura que congregou um conjunto de etapas a seguir pelos estagiários, nomeadamente a observação de aulas, análise documental, construção de um projecto formativo, planificação de aulas e operacionalização do trabalho, no presente documento analisaremos estas fases. No que diz respeito à análise documental e operacionalização do trabalho, reflectiremos acerca dos dados recolhidos e actividades desenvolvidas com as crianças no âmbito da leitura e da escrita. Do trabalho desenvolvido, concluímos que para desenvolver hábitos de leitura e de escrita nas crianças é necessário, no que se reporta à educação do pré-escolar, que o educador reflicta sobre as estratégias, a gestão do espaço, do tempo e dos recursos que utiliza, com o intuito de promover a emergência da leitura e da escrita, nos seus educandos. No âmbito do ensino do 1ºciclo do ensino básico, esta atitude reflexiva, também, assume enorme relevância, na medida em que o docente deverá incentivar as crianças a produzir textos, valorizando-os, tornando-os alvo de reflexão não só para quem os elabora, mas, também, para toda a turma. Durante este trabalho, foi evidente a heterogeneidade de competências dos alunos, pelo que houve a necessidade de aprofundar o nosso conhecimento acerca das capacidades dos nossos educandos, utilizando, para isso, diversas técnicas de investigação, com o intuito de (des)construir o nosso entendimento sobre os comportamentos dos nossos alunos e atender às suas reais dificuldades. Para além das preocupações sobre a leitura e a escrita, consta, do presente documento, um estudo referente à temática da educação afectivo-sexual, realizado junto dos principais intervenientes educativos: pais, educadoras e crianças. Assim, no que se reporta ao estudo desenvolvido, concluímos que a maioria dos encarregados de educação e educadoras de infância conceptualizam a educação afectivosexual, numa vertente mais ligada aos aspectos biológicos, do que propriamente aos afectos. No que concerne à tipificação do género, alguns pais e educadoras revelam comportamentos tipificados, relativamente à escolha de eventuais brinquedos, por parte dos seus educandos. Ainda no âmbito desta componente investigativa, no que diz respeito às crianças concluímos que verifica uma tendência, por parte de alguns discentes, em associar determinados brinquedos aos rapazes e às raparigas, bem como, no que se reporta à fecundação, uma parte consubstancial das crianças desta turma nomeiam correctamente o órgão sexual masculino e feminino, mas desconhecem a forma como os bebés são concebidos. Actualmente assume a máxima relevância, face ao novo modelo de professor que se preconiza (investigador e profissional reflexivo), analisar e tentar compreender o comportamento das crianças, o que permitirá ao docente não só adequar as metodologias aplicadas, mas também, reflectir sobre a sua própria performance, enquanto profissional de educação. Uma atitude que urge fomentar e que contribuirá para o seu próprio crescimento profissional e para o desenvolvimento saudável dos alvos do seu estudo permanente: as crianças.
ABSTRACT: The following report is the result of our teacher training integrated within Prática Supervisionada I e II, do Mestrado em Educação do Pré-Escolar e Ensino do 1ºciclo do Ensino Básico. Knowing that our teacher training was a very well organized structure with a series of stages that had to be followed by trainees, such as direct observation, document analysis, the development of a training project, lesson plans and the practice itself, in this document we will analyze all of the different stages. There will be a reflection on all the gathered information by document analysis as well as some activities developed with children to promote reading and writing during the teacher training process. After all that has been done, we realize that the best way to develop reading and writing habits it is extremely necessary, regarding Preschool, that the educator rethinks the strategies used until now, the space organization, time and resources as a way to promote reading and writing time among the students. In Elementary School, this rethinking approach should also take place, in a way that the teacher needs to encourage the students to write texts more often, reading them and making those texts important not only for those who write them but for the whole class. During the teacher training process it was noticeable a diversity of knowledge possessed by students, not all had developed the same skills. There was a need to get to know these students better, so we used many different investigation techniques as a way to allow us to (re) build our knowledge on their behavior and help them in their needs or difficulties. Besides the reading and writing concerns, the following report presents a study on the affective and sexual education theme, which was conducted among parents, educators and children. Therefore, this study shows that as a matter of fact most parents/guardians and preschool teachers give more emphasis to the biological aspects rather than the affective aspects. Regarding this question some parents/guardians as well as teachers are cautious when choosing the toys for their children or students (boys’ toys for boys and girls’ toys for girls). This study also reveals that children tend to choose toys according to their sex and when talking about fecundation, most students from this class are able to identify the man and woman’s sexual organs, although they don’t have a clue on how babies are conceived. Today it is important, according to the new way that a teacher needs to be (an investigator and a reflective professional), to analyze and try to understand children’s behavior, which allow the teachers not only to adjust their practices but to think about their own performance while professionals of education. Teachers have to develop an attitude that will contribute not only for their own professional growth but for a healthy development of their students.
Descrição: Mestrado em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico (Relatório de Estágio).
URI: http://hdl.handle.net/10400.3/1305
Aparece nas colecções:DCE - Dissertações de Mestrado / Master Thesis

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DissertMestradoAnexosNJCS.pdfAnexos10,59 MBAdobe PDFVer/Abrir
DissertMestradoNelsonJorgeCardosoSoares2011.pdfTexto Principal1,29 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.